Páginas

quinta-feira, 19 de fevereiro de 2009

DUETO - VIAGEM VIII: GRAVETO



Na trilha da mata
um solo corpo silvestre
fincando arbusto em haste
colhendo em ramos a seiva
.
A selva verde Brasil
pau disforme punhal
sugando da terra a raiz
e do tronco o vegetal.

Um comentário:

Bruno Soft disse...

Cara! Lembra de mim ainda?
Uneb, Ebel (Feira)?

Bem, de fuder esse poema!
Os sons e as ideias.
Depois vou ler de novo,
esse blog é bom mesmo!

Parabéns, cara!