Páginas

domingo, 19 de outubro de 2008

UMA MENINA

A árvore penetra em minhas mãos,
A seiva toma meus braços,
A árvore cresce pelo meu peito -
Abaixo,
os galhos se perdem de mim, como membros.

Você é árvore,
Você é musgo,
Você é violetas ao soprar do vento.
Uma criança - tão alta - você é,
e tudo isto,para o mundo, é relento.

Tradução: Rafael dos Prazeres

3 comentários:

Lázaro Barbosa disse...

Onde é que eu arrumo uma garota dessas, meu Deus? =T

Saudações verdes

Lázaro

PALUMBO GUEDES disse...

Ezra Pound é foda viu!!
"E os peixes nadam no lago
e não possuem nem o que vestir."

Gosto muito!

VAMOS SIM FAZER ALGO TOGETHER ;)

FORTE ABRAÇO!

BoCa De LoBo disse...
Este comentário foi removido pelo autor.